domingo, 21 de novembro de 2010

o resto ao acaso


Desisti de salvar o mundo
quero salvar somente o dia
salvar a alegria do nosso encontro
então me preocupo em manter
a doçura do rosto
a leveza do traço
o balançar do corpo
meu corpo em teu abraço
então me despreocupo
me ocupo ao teu agrado
é isso que vale
o resto ao acaso
.
.

4 comentários:

Hìtzaßêrllé disse...

olá, estava de passagem por aqui.Daí resolvi ler seus artigos e que por sinal gostei muito! Parabéns.
..Se poder ir me visitar também, vou ficar feliz desde já!

http://hitzaberllelacouth.blogspot.com/

Abraços.

Eu, a Vanessa Marques disse...

muito lindo
e adorei a foto

volta a atualizar o blog =]

Vilmar Barros de Oliveira disse...

A tua poesia...salvou o meu dia!

Prity disse...

Que lindoooooo! Amei a poesia e o blo. beijos